Gretchen, 18º casamento. “Que seja eterno, enquanto dure...” - SOM DO MEU TEMPO

Destaque

Home Top Ad

Post Top Ad

25.1.21

Gretchen, 18º casamento. “Que seja eterno, enquanto dure...”

 


Hoje iremos voltar no tempo.  Isso porque, a rainha do rebolado, ”Freak Le Boom Boom” e do “Conga, Conga”, casou pela 18ª vez. E com a fila andando, vamos conferir a listinha dos que ficaram para trás.

Mas, antes de irmos direto para a vida amorosa da musa dos anos 70, fique sabendo que ela é mais que um bumbum rebolativo. Sobretudo, Gretchen é cantora, atriz e dançarina.

Enfim, venha conferir a história de Gretchen, a Rainha do Bumbum de 61 anos de idade e mais de 30 anos de carreira. E claro, venha relembrar todos os casamentos de Gretchen e saber que são seus ex-maridos.

Início da carreira



Primeiramente, vamos começar falando que Gretchen, na verdade, é o nome artístico de Maria Odete Brito de Miranda.  Para quem não sabe, ela nasceu no Rio de Janeiro, no dia 29 de maio de 1959.

Contudo, iniciou sua carreira somente em 1976, como crooner da orquestra do Maestro Zaccaro. Logo depois, em 1978, ela já começou a fazer parte do grupo musical “As Melindrosas”. Aliás, esse grupo era composto por ela, suas irmãs Sula e Yara e sua prima Paula.

Porém, tempos depois, ela começou a fazer carreira solo, lançando o disco Dance With Me. Inclusive, este foi um verdadeiro sucesso de vendas na época, chegando a mais de 150 mil cópias vendidas. Foi este álbum, inclusive, que lhe rendeu um Disco de Ouro.

Logo após o imenso sucesso, Gretchen estreou na TV, no programa de Carlos Imperial. O programa, aliás, fazia parte da grade da extinta Rede Tupi.

Vale ressaltar ainda que foi na TV que ela modificou seu nome para Gretchen. Aliás, a musa teve como inspiração o filme brasileiro “Aleluia, Gretchen”, de 1976.

Já em 1979, a cantora lançou seu segundo disco, o “My Name Is Gretchen”. Dois anos após, ela lançou “You and Me”. Contudo, as músicas que realmente fizeram sucesso e que receberam disco de ouro foram “Freak Le Boom Boom” e “Conga, Conga, Conga”. Além dessas, ainda entrou para as paradas de sucesso a música “Melô do Piripiri”, que recebeu disco de platina.

Ascensão da Rainha do bumbum



Assim, Gretchen se tornou um recorde de vendas na época. Inclusive, ela conseguiu alcançar a marca de 1000 espetáculos em menos de três anos. Além do mais, entre as décadas de 70 e 80, ela conseguiu vender 5 milhões de discos no Brasil.

Ainda por cima, vendeu mais de dois milhões de discos na Argentina, no Paraguai e no Uruguai. Ademais, sua fama internacional não parou por ai.

Basicamente, no início da década de 90, sua fama lhe rendeu apresentações na Europa e nos Estados Unidos. Até porque, a título de curiosidade, a lambada – que era o seu ponto forte -, estava bem popular nesse período.

E claro, não poderíamos deixar de mencionar que, além de discos de ouro e de platina, Gretchen ganhou também o título de bumbum mais bonito do Brasil. Inclusive, esse título pertenceu a ela durante muitos anos.

Além de tudo isso, Gretchen também participou de diversos filmes. Como por exemplo, o filme infantil “Vamos cantar disco, baby”. E também o longa pornochanchada, de 1982, “Aluga-se moças”. Este filme, aliás, fez sucesso porque contava também com a participação de de Rita Cadillac, a eterna dançarina do Chacrinha.

Anos 2000

Sobretudo, além de lançar músicas de muito sucesso, Gretchen participava também de vários programas de TV no início dos anos 2000. Dentre eles, participou do quadro “Qual é a música?”, do Programa de Silvio Santos; do quadro “Troca de Família”, em 2011, realizado pela TV Record.

Além disso, participou da 5ª edição de “A Fazenda” na TV Record, em 2012. Contudo, ela desistiu da competição logo na 6ª semana de confinamento.

Porém, suas participações em realities não parou por ai. Em 2012, ela participou de Os Gretchens, da Rede TV. Basicamente, nesse reality, ela procurou exibir sua vida em Portugal.

Já, em 2015, a rainha do bumbum lançou um livro falando de sua biografia, “Gretchen – Uma Biografia Quase Não Autorizada”. E em 2016, junto com seu ex marido Carlos Marques, participaram de Power Couple, da TV Record.

Fim do 17º casamento de Gretchen



Antes que você não saiba Gretchen já se casou 17 vezes. Contudo, todos os casamentos de Gretchen teve um final. E infelizmente, até o 17º e até então seu último casamento chegou ao fim. Vale ressaltar que esse de todos os casamentos de Gretchen, foi o mais duradouro.

Assim sendo, ela era casada com Carlos Marques, e tinha uma relação com ele desde 2013. Inclusive, foi ele que participou com ela no reality show da Record, Power Couple Brasil, em 2016.

Sobretudo, eles moravam juntos em Mônaco, na França junto com as duas filhas pequenas de Gretchen. Após a separação, ele continuará morando no mesmo lugar, enquanto Gretchen se decidirá sobre o Brasil e a Europa. E a título de curiosidade o casamento terminou de uma forma leve e amigável.

Linha do tempo de todos os casamentos de Gretchen



1º. O primeiro casamento foi em 1981, aos 22 anos com Chrystian, da dupla com Ralf. Contudo, durou só alguns meses.

2º. Após o término, Gretchen se casou com Silva Neto, pai de Thammy. A relação durou dois anos e foi de 1981 a 1983.

3º. Já em 1984, Gretchen se casou com Paulo Sérgio Aversani. A relação durou somente alguns meses.

4º. No mesmo ano, aos 26 anos, Gretchen se casou com o empresário Décio Nascimento.

5º. Depois, somente em 1994, Gretchen se casou com Aguinaldo Cruz Rosa, com quem teve Gabriel.

6º. Em 1996, a cantora se casou com César Zago. A relação durou só um ano.

7º. Tempos depois, em 1998 ela se casou com Afonso Costa Jr. Mas, a relação só durou um ano. Contudo, em 1999 se casaram novamente, e ficaram juntos até 2001.

8º. Nesse meio tempo, Gretchen chegou a ficar noiva de Marcio Bueno, em 1999. Porém, não chegou a se casar.

9º. Já em 2002, a cantora se casou com o cabeleireiro Cláudio Alves de Faria. E que aliás, só durou alguns meses.

10º. Em 2002 ainda, ela se casou com Giuliano Cezimbra, o qual teve uma relação de um ano.

11º. Outro dos casamentos de Gretchen aconteceu um ano após a separação. Em 2004, Gretchen se casa com o apresentador Tony Abia. Mas, também ficaram casados durante só um ano

12º. Assim sendo, ela se envolveu e se casou com Gutto Guittar, o ex-guitarrista da banda Mel, em 2006. Inclusive, juntos protagonizaram um filme pornô. Mas, também só ficaram juntos por um ano.

13º. Em 2009 se casou com Demmis Miranda. A relação durou um ano.

14º. Logo em seguida, ela se casou com Silvio Alves, em 2010. A relação também só durou um ano.

15º. Já em 2011, ela se envolveu com Alexandry Mangueira, mas logo se separou.

16º. No ano de 2011, ela se casou com Túlio Sotto Mayor. E ficaram até 2012.

17º. Em 2013, ela conheceu o Carlos Marques, se casaram em 2016, e terminaram em 2020.

18º. Em outubro de 2020, foi a vez do músico Esdras de Souza tentar encerrar esse ciclo de casamentos da Gretchen, que aos 61 anos continua demostrando muita disposição de viver.  "Estou casando com a Maria Odete e não com Gretchen", disse Esdras de Souza.



E você, acha que ela vai sossegar ?

fonte: https://areademulher.r7.com/celebridades/casamentos-de-gretchen/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad