Segue em paz, Kenny Rogers - SOM DO MEU TEMPO

Destaque

Home Top Ad

Post Top Ad

21.3.20

Segue em paz, Kenny Rogers

Morre aos 81 anos o cantor americano Kenny Rogers

Kenny Rogers, “lenda” da música country americana, morreu nesta sexta-feira 20, aos 81 anos, de causas naturais. Vencedor de três Grammys, foi figura de destaque nos anos 70 e 80.

Kenny Rogers, um cantor, compositor, produtor musical, ator e empresário norte-americano, um destacado astro da música country.


Kenny Ray Rogers, nasceu em Huston, Texas, nos Estados Unidos, no dia 21 de agosto de 1938. Filho de Edward Floyd, um carpinteiro e de Lucille, uma enfermeira, foi criado em um bairro pobre de Huston. Ainda adolescente fez parte da banda “The Scholars”, que chegou a lançar três singles. Em seguida, ingressou no grupo de jazz “Bobby Doyle Three” onde cantava e tocava baixo. Em 1959 abandonou a Universidade do Texas para se dedicar à música.

Quando o grupo se separou, Kenny conseguiu um contrato com a Mercury Records. Em 1966 passou a fazer parte do grupo musical “Christy Minstrels” e em seguida formou o conjunto “First Edition”, que em 1967 levou o hit “Just Dropped In” ao posto nº 5 das paradas musicais. No ano seguinte, estava formada a banda “Kenny Rogers and the First Edition”. Em 1969 levou a música “Ruby, Don’t Take Your Loove to Town” ao Top 10 das paradas musicais. Em 1972 a banda tinha seu próprio programa na TV. Em 1974 a banda se separou.


Em 1975, Kenny Rogers firmou contrato com a United Artists. Em 1976 lançou o disco “Love Lifted Me”, que foi sua estreia na carreira solo. Nesse mesmo ano lançou “Daytime Friends”. Em 1977 lançou seu terceiro disco, “Kenny Rogers”, quando a música “Lucille” fez grande sucesso, e recebeu diversos prêmios, entre eles o Prêmio da Academy of Country Music Award: Canção do Ano (1978) e o Grammy Award: Melhor Performance Vocal Masculina do Country.

Em 1979, a balada romântica “She Believes in Me”, o consagrou como um cantor country. Em 1980, com a música “Lady”, conquistou fama internacional. Em 1983, junto com a RCA Records, lançou em dueto com a lenda da música country, Dolly Parton, a música “Islands in the Stream”. Em 1985 fez parte do grupo “USA for África”, que gravou a famosa canção “We Are The World”, com o objetivo de arrecadar fundos para combater a fome na África.

Em 1998, Kenny Rogers cria seu próprio selo e lança o álbum “Christmas From the Heart”. Em seguida lança: “She Rides Wild Horses” (1999), “There You Go Again” (2000), “Back To The Well” (2003), “Water and Bridges” (2006). Depois de cinco anos sem gravar, lançou os álbuns “The Love of God” (2011), “Christmas Live!” (2012), “You Can’t Make Old Friends” (2013) e “Once Again It’s Christmas” (2015). Em seguida, anunciou que em 2016 iria iniciar uma turnê de despedida intitulada “The Gambler’s Last Real”.


Como ator, em 1982, interpretou um piloto de corrida no filme “Six Pack” (1982). Na TV atuou em dois filmes baseados em suas canções, “The Gambler” e “Coward of the Country”, além de “Christmas in America”. Foi o narrador da série “The Real West”.

O ator foi casado com Janice Gordon, entre 1958 e 1960, com quem teve um filho. Sua segunda esposa foi Jean Rogers, com quem viveu entre 1960 e 1963. Com Margo Anderson viveu entre 1964 e 1976 e teve dois filhos. Sua quarta esposa foi Marianne Gordo, com quem viveu entre 1977 e 1993, juntos tiveram um filho. Rogers vive com Wanda Miller desde 1997, e juntos têm 2 crianças.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad